Moradores de Sabará clamam pela retomada das obras do Parque Ana Lúcia

Moradores de Sabará clamam pela retomada das obras do Parque Ana Lúcia, Uma obra de um parque no Bairro Ana Lúcia, em Sabará, na Região Metropolitana de Belo Horizonte (RMBH), está deixando os moradores intrigados. A obra se encontra parada, mas a verba do Ministério do Turismo, através de emenda parlamentar de 2014, já foi depositada para a prefeitura.

Para cobrar respostas e entender por que o projeto não é finalizado, foi criado o grupo Amigos do Parque Ana Lúcia que relata os perigos que os moradores enfrentam com o abandono do local.

Moradores de Sabará clamam pela retomada das obras do Parque Ana Lúcia

O parque fica entre as ruas Atenas, Hybris e Vênus. Moradores colocaram faixas com os dizeres “Prefeito, termine a obra do Parque Ana Lúcia! O dinheiro está nos cofres”. Segundo eles, porém, as faixas foram retiradas pela prefeitura no dia seguinte em que foram instaladas. 

Veja também:

Integrante do grupo Amigos do Parque Ana Lúcia, Daniela Ribeiro de Araujo, de 45 anos, é moradora do bairro há 17 anos e diz que a comunidade passou a existir justamente por causa da morosidade da obra. “Há três anos estamos lutando por este parque. A verba é de uma emenda parlamentar de 2014 e já foi entregue à prefeitura. Em 2017, começou a obra e pensamos que iriam nos entregar em 2018, mas não aconteceu. Nesse período houve uma troca da empresa que havia vencido a licitação. A gente cobra e tenta dialogar com a prefeitura e não conseguimos respostas. A prefeitura havia falado que a obra ficaria pronta em agosto deste ano, mas eles fizeram só uma pequena capina”, explica Daniela.

Ela lamenta a ausência de respostas. “As pessoas querem um espaço público e é uma pena porque este parque tem uma vista maravilhosa da Serra da Piedade, o lugar é muito gostoso. Tem quadra e pista de skate que poderiam estar sendo usadas pelos jovens e tudo está parado”, lamenta.

Outro morador do bairro, Lucas Otávio Brito Xavier, de 26, relata problemas com a segurança já que os tapumes do entorno deixam o local com pouca visibilidade. “A obra está abandonada e ninguém vem aqui fazer manutenção. Está cheio de lixo e há moradores de rua que usam o local para dormir e tomar banho. Mês passado houve um assalto à mão armada dentro do parque. Havia alguns jovens andando de skate e entrou uma pessoa e roubou o celular de todo mundo”, conta Lucas.   

No Portal da Transparência do governo federal constam dados do contrato da 1ª etapa de implantação e requalificação do Parque Ana Lúcia, contrato 1.015.960, de 7 de janeiro de 2015, no valor de R$ 502.125,00. No documento, a situação da obra está declarada como “não iniciada”.

No site da Caixa Econômica Federal, em dados referentes a esses repasses, há a informação que 82,7% da obra está concluída tendo a prefeitura recebido até 23 de março deste ano, um total de R$ 487,2 mil.

Por nota a prefeitura de Sabará confirmou o valor total da verba, mas afirmou que o projeto encontra-se com percentual de 76,50% de execução física. Ainda segundo a prefeitura, o projeto possui três fases das quais o convênio contempla duas. São obras de uma área de convivência para práticas esportivas com equipamentos de ginástica, playground indantil, rampa de skate, bebedouro, arquibancada e um pequeno anfiteatro. 

Sobre a paralisação, a nota explica que “a obra está com reprogramação de planilha sobre análise da Caixa Econômica Federal, pois houve a fiscalização do Ministério do Turismo, onde os técnicos apontaram necessidade de modificações de projeto para dar funcionalidade em parte da obra. Sendo assim, tais modificações precisam de aprovação para que a obra possa dar continuidade”. 

VIa: EM

2 comments to “Moradores de Sabará clamam pela retomada das obras do Parque Ana Lúcia”
  1. Pingback: FHEMIG abriu vagas temporárias no Hospital Cristiano Machado em Sabará

  2. Pingback: Moradores de Sabará inconformados denunciam incêndios em mata

Deixe uma resposta